Blade

BladeE mais uma vez, o tempo passa sem posts… e ainda estou nesse vai-e-vem de preparativos para a viagem, ora querendo resolver tudo de uma vez, ora caindo numa lassidão sem remédio. Equilíbrio não faz parte da minha rotina atualmente. =/

Enfim… já houve o mimimi, vamos ao desenho.

Mais um rabiscado no meu moleskine genérico, e como sói acontecer, sem data; mas deve ter quase um ano, acho. Comecei no ônibus e fui ajeitando aos pouquinhos.

Uma homenagenzinha a Blade of the Immortal, um dos melhores mangás que já li. A arte do Hiroaki Samura tem a incrível característica de parecer ‘jogada’ e ser muito bem-elaborada ao mesmo tempo; o trabalho dele a lápis é uma coisa fantástica. Todavia, conforme a história foi correndo, notei que a qualidade da arte foi caindo, talvez devido a prazos apertados, stress do artista… não sei; ainda assim, é uma história que vale a pena ser acompanhada, e a narrativa se encaixa com muita perfeição ao traço.

Aqui, Rin e Manji em cima, Makie e Anotsu embaixo. Relacionamentos complexos, que são desenvolvidos de forma muito profunda no mangá. A relação de Makie e Anotsu é mais madura e trágica, enquanto Rin e Manji vão amadurecendo ao longo da história, numa parceria difícil de definir. Desenhei Manji sem muito problema, mas Rin deu trabalho e não ficou nada parecida, a meu ver. ¬¬’

P.S: O Hiroaki Samura desenha orelhas GIGANTES, é a única coisa que me incomoda nos desenhos dele.😛

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s