Les Reines d’Autobus VI

Continuando.

Esta foi uma das que mais gostei, por várias razões. Uma delas é que não costumo desenhar gente negra (mais uma vez, imagino ser a forte influência do mangá); foi desafiador, e obrigou-me a procurar referências verossímeis. A outra razão é que não costumo desenhar gente sem sobrancelha (nem careca, nem ‘faltando’ alguma coisa). Apesar do estranhamento que dá, é bom sair da ‘zona de conforto’ – os resultados vão surpreendendo, à medida em que nos afastamos mais das próprias comodidades.

Para a indumentária, as referências foram variadas. As escamas do corpete vieram da capa do CD da banda Tanga de Sereia; os enfeites de cabelo, desta belíssima foto de uma garota africana; os ‘discos’ nas laterais da cabeça, da Princesa Leia; os penachos altos, do capacete de Sun Wukong, o Macaco-Rei.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s