Yin-Yang III

Concluindo a série dos dois opostos, Maezhorn e Sankach.

Aqui, o resultado foi ambíguo. Gostei muito da figura de Maezhorn, uma mistura dos rostos andróginos e meio malévolos de Yoshitaka Amano com a Feiticeira do He-Man.

Sankach, por sua vez, não ficou muito bem-resolvido: o tronco ficou impreciso, e não soube o que fazer com suas pernas… alguém até comentou que parecia o Tarzan da Disney. Nada lisonjeiro para ele… -_-‘

Outra coisa: embora a aparência dos dois diga o contrário, não são personagens deliberadamente maus, para ser específica. Maezhorn é curioso, inquisitivo, sempre disposto a aprender qualquer coisa – e maquiavélico, no sentido de não medir os meios para alcançar um fim. Mas se for “deixado quieto”, está bem desinteressado em fazer mal a alguém. Sankach, por sua vez, é selvagem; não segue regras, detesta limites e gosta de fazer exatamente o contrário do que se espera dele.

Mas não estou muito segura de ter conseguido passar exatamente isto na imagem dos dois. Acontece. ¬_¬’

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s